Judeu austríaco deixa fortuna para vila francesa que salvou sua família dos nazistas

Erich Schwam, que morreu em dezembro, deixou uma fortuna para a vila francesa de Le Chambon-sur-Lignon para agradecer aos residentes por esconderem sua família dos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial.

“Estamos extremamente honrados e usaremos a soma de acordo com a vontade do Sr. Schwam”, disse a vice-prefeita da cidade, Denise Vallat.

No testamento, Schwam escreveu que queria “agradecê-los pela recepção que muitos me deram no campo da educação”. Ele pediu que o dinheiro fosse usado para financiar bolsas de estudo e escolas na vila.

Grandes contribuições também serão feitas para três fundações que apoiam trabalhadores de saúde, crianças com leucemia e direitos dos animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Digite os caracteres da imagem no campo abaixo *