Covid-19: Israel desenvolve dois remédios promissores

A imprensa de Israel anunciou o desenvolvimento de dois novos tratamentos promissores para a Covid-19. A notícia dá conta que um deles teve taxa de sucesso em 96% dos pacientes com casos moderados e graves em estudos iniciais.

Trata-se da droga EXO-CD24, uma proteína em desenvolvimento para a cura do câncer. A testagem divulgada ocorreu em 30 pacientes, dos quais 29 mostraram uma melhora significativa em dois dias após o uso inalável do fármaco. O paciente restante também se recuperou, mas com maior demora. A posologia descrita é a seguinte: uma aplicação a cada 24 horas ao longo de cinco dias. O estudo ocorreu no hospital Tel Aviv Sourasky Medical Center.

A segunda análise ocorreu no Hadassah Medical Center, em Jerusalém. O fármaco utilizado é chamado de Allocetra e, de acordo com o site Clinical Trials, está em fase 2 de análise. De acordo com o centro de saúde, 21 pacientes em estado crítico e com comorbidades receberam o medicamento. Destes, 19 evoluíram bem e tiveram alta após 9 dias.

Os dois medicamentos atuam no mesmo mecanismo que ocorre em alguns casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus: a chamada tempestade de citocinas. Trata-se de uma resposta exagerada do sistema de defesa do corpo humano após uma infecção. Ao invés de agredir o invasor, a resposta atinge os pulmões, que ficam fragilizados e cheios de líquido.

De acordo com Salmo Raskin, médico geneticista e diretor do Centro de Aconselhamento e Laboratório Genetika, “as respostas iniciais apontam que seu uso poderá ser utilizado em casos severos e graves. Não é uma cura, nem impedirá a Covid-19”.

A droga, EXO-CD24, é baseada em uma proteína biológica conhecida no campo da pesquisa do câncer. O papel da proteína é acalmar o sistema imunológico, que no segundo estágio do Covid ataca a si mesmo e causa dificuldade para respirar. A proteína – CD24 é introduzida no corpo por meio da inalação de exossomos, um tipo de hormônio que o libera para os pulmões. A substância é inalada pelo paciente por alguns minutos, e a proteína liberada nos pulmões acalma o sistema imunológico que para de se agredir, causando grande alívio ao paciente.

“EXO-CD24 é um medicamento inovador, “azul e branco”, desenvolvido com base em muitos anos de pesquisa no laboratório do prof. Nadir Arber, no Centro Médico de Tel Aviv. Ele é administrado localmente, tem ação extensiva e não tem efeitos colaterais. É um preparado avançado, que pode ser produzido de forma rápida e eficiente e com custo baixíssimo, produzido em qualquer farmacêutico do país, e em pouco tempo todos o consumo global pode ser fornecido”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Digite os caracteres da imagem no campo abaixo *