Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Invenção israelense desenvolve desinfetante ecológico que mata bactérias e vírus

Invenção israelense desenvolve desinfetante ecológico que mata bactérias e vírus

Químicos da Universidade Bar-Ilan, em Ramat Gan, desenvolveram um desinfetante ecológico que pode ser usado diariamente para matar bactérias e vírus em todos os tipos de superfícies.

O produto também se mostrou eficaz na neutralização de vírus do tipo corona em testes realizados no laboratório do Prof. Ronit Sarid, da Universidade Bar Ilan (BIU) e Everard Goodman, da Faculdade de Ciências da Vida.

Ronit Sarid explica: “Ambos os vírus foram completamente eliminados quando expostos aos desinfetantes por diferentes períodos de tempo. As características estruturais do OC43 são semelhantes as do recente SARS-CoV-2, sugerindo que esse vírus também será facilmente eliminado com esse desinfetante”.

Os pesquisadores Eran Avraham e Izaak Cohen desenvolveram a tecnologia da solução água-desinfetante no laboratório do Prof. Doron Aurbach, especialista internacional em eletroquímica do Instituto de Nanotecnologia e Química Avançada de Materiais da BIU. O método envolve a mistura de água com eletrodos. A combinação desses compostos cria um antibacteriano eficaz contra bactérias, vírus e esporos.

De acordo com os pesquisadores, ao contrário de muitos outros desinfetantes, como o alvejante à base de cloro, esta solução à base de água é segura para a pele e não contamina as águas subterrâneas. “A capacidade antisséptica é 100 vezes mais eficaz que a lixívia e, portanto, baixas concentrações entre 50 e 200 miligramas de materiais ativos por litro são suficientes para desinfetar – ao contrário da lixívia, que, por outro lado, requer entre 5.000 e 20.000 mg por litro. Eles também são muito mais ecológicos e não causam queimaduras ou pele seca. Eles não causam corrosão e, o mais importante, com a concentração muito baixa de 50 mg, eles eliminam todos os tipos de vírus”.

A tecnologia poderia ser usada para uma variedade de produtos desinfetantes, como aerossóis em spray para desinfetar superfícies, eletrodomésticos, camas, armários e banheiros; recipientes para imersão de mãos, sapatos, fabricação de tecidos antibacterianos descartáveis e muitas outras aplicações – até máscaras e luvas.

Por meio de sua startup, AqooA Solutions: Eco Sanitizing Technologies, o empresário israelense Barak Dror Wanderman está trabalhando no desenvolvimento e produção final de dispositivos portáteis que produzirão os líquidos desinfetantes sob demanda de água potável.

Embalados em recipientes especiais, os desinfetantes podem permanecer em vigor por dois meses e podem ser vendidos em garrafas recicláveis. Para produtos engarrafados reutilizáveis, um processo bastante simples pode ser aplicado para permitir o uso a longo prazo, acrescentaram os pesquisadores.

“Existem muitos desinfetantes antibacterianos no mercado, mas esse material é baseado em água, por isso é mais barato, três vezes mais eficaz, sete vezes menos tóxico para os seres humanos, preserva esses recursos por muito mais tempo e cobre uma grande variedade de bactérias”, afirmou Frances Shalit, da Birad. “Essa tecnologia salvará muitas vidas, economizará muito dinheiro à economia e eliminará o uso de produtos químicos perigosos que prejudicam o meio ambiente”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[yuzo_related]

Rolar para cima