Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Software israelense identifica uso incorreto de máscara

WhatsApp Image 2020-09-14 at 12.43.25

O maior hospital de Israel, o Sheba Medical Center, está usando um software desenvolvido pela AnyVision, uma startup de reconhecimento facial, para estimular seus visitantes a usar máscaras e a usá-las corretamente.

Ele utiliza câmeras de segurança já implantadas nas instalações para detectar visitantes que não estão usando máscara, ou que as usam de maneira incorreta, e fornece feedback nas telas com mensagens como: “Sem máscara mata a minha onda” – ou “Ooh, gosto do seu estilo” se a pessoa estiver usando a máscara corretamente.

A ideia é baseada na economia comportamental, em que “cutucadas”, em oposição à aplicação de uma pena severa, são ferramentas importantes que podem ser usadas para provocar mudanças de atitude e comportamento.

O sistema não identifica ninguém pelo nome, nem os relata a um centro de controle. Limita-se a alertar os visitantes para o fato de não estarem usando máscaras no local onde são obrigados, de forma semelhante aos radares que devolvem feedback negativo aos motoristas que ultrapassam o limite de velocidade. “De forma lúdica, aumentamos a consciência em relação às máscaras”, comemora Alex Zilberman, diretor de operações da AnyVision.

As telas chamando a atenção para a pessoa que não está usando uma máscara cria pressão social, explicou ele, e aumenta o senso de legitimidade dos outros visitantes ao pedir a essa pessoa para usar o equipamento facial conforme necessário. O software está atraindo o interesse de outras entidades, como aquelas que operam aeroportos, transporte público e prédios públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[yuzo_related]

Rolar para cima